Acerca de mim

A minha foto
Lisboa, Carnaxide, Portugal
“Existem dois grandes dias na vida de todos nós… o dia em que nascemos e o dia em que descobrimos porquê”. William Barclay

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 59

Olá a todos,

Este é uma partilha de agradecimento a todos os que "escolheram" ajudar uma causa que superou todas as minhas expectativas.

Na passada Sexta-feira reuniram-se cerca de 20 pessoas no Bairro Padre Cruz para intensificar o excelente trabalho que está a ser desenvolvido pela associação de futebol de rua. http://www.futrua.org/ . Utilizando o futebol como incentivo, esta associação promove o desporto, o trabalho em equipa, a igualdade, a partilha, os sonhos, a amizade e, a utilização de ferramentas para que algumas crianças consigam viver e desenvolver-se de uma forma mais estruturada na sociedade actual.

Eu estive lá e posso comprovar o bom trabalho que estão a desenvolver...

Este foi um dia de confraternização, de mistura de "culturas" e "estratos sociais" e, principalmente, um dia de grande partilha e de muito AMOR.


Algumas fotos deste dia especial:
http://picasaweb.google.pt/alexandradiassousa/18DezANFR?feat=email

Jogamos futebol, dançamos hip-hop, comemos e bebemos, rimos e falamos muito com estas crianças. E sabem que mais... são crianças iguais a tantas outras, com as mesmas emoções, com as mesmas perguntas e com a mesma vontade que todos temos em ser felizes.


A grande diferença está em que um pequeno gesto de AMOR, como um sorriso, como ir para dentro do campo de futebol e partilhar o terreno deles, vale muito para aquelas crianças.

Talvez faça a diferença na vida de muitas delas...


Grandes, pequenos, gordos, magros, brancos, pretos, amarelos, todos eram amigos, todos naquele dia eram um único MOMENTO de felicidade!

Foi fantástico poder AJUDAR estas crianças, as quais me fizeram sair com a sensação que este dia foi só o inicio dessa ajuda...

Agradecimento:
Obrigado a todos aqueles que se disponibilizaram "a ter menos para dar mais", acreditem que fez e irá fazer toda a diferença na vida daquelas crianças.

Queria agradecer a todos aqueles que na BRIGADA DO CESTO não desistiram durante todo o processo e, especialmente, ao movimento solidário que se criou na minha empresa - SCA/TENA - o qual superou todas as minhas expectativas. O MEU MUITO OBRIGADO

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero


domingo, 13 de dezembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 58

Olá a todos,

Hoje deixo-vos uma história que muitos de nós já a ouvimos uma ou duas vezes. Ainda assim, fico muito satisfeito de a partilhar com vocês imortalizando-a no meu BLOG.

Gestão de tempo de "pedras grandes"

Há uma história acerca do líder de um seminário que pôs um grande frasco em cima da mesa. Ao lado do frasco, colocou um balde de gravilha, um balde de areia, um balde de água e três pedras grandes. Depois, desafiou os participantes a encontrar uma maneira de meter tudo o que estava em cima da mesa dentro do frasco.
Após numerosas tentativas, tornou-se claro que a única maneira de conseguir meter tudo lá dentro era começar pelas grandes. A gravilha preenchia os espaços entre as pedras grandes, a areia preenchia os espaços da gravilha e a água preenchia os espaços da areia.

Quando se trata do que escolhe para tornar importante, é bastante fácil deixar-se envolver na gravilha do quotidiano, esmagar pela areia e ser levado pela água. O que pode ser complicado é descobrir maneiras de pôr primeiro as coisas que estão primeiro – dar prioridade às "pedras grandes" –, as coisas da sua vida que mais importam.

Livro: Chega aonde quiseres
Autor: Michael Neill

Nota:
Define quais as “pedras grandes” da tua vida, do teu ano ou dos teus dias. Sem elas estarás perdido, sem rumo e intranquilo…

A boa novidade, mais uma vez, é que TU tens todas respostas! Basta para isso fazeres a seguinte questão:
“O que é VERDADEIRAMENTE importante para mim AGORA, no próximo Ano e para toda a minha VIDA?”

Seguramente terás as tuas prioridades, no entanto nunca esqueças que a “gravilha”, a “areia” e a “água” também existem na tua Vida.

Pessoas, Metas, Intenções e Actividades são para uns pedras grandes, para outros gravilha, areia ou até água…

e para TI?


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 57

Olá a todos,

Hoje deixo-vos uma passagem de um livro "imortalizado" e que vale a pena ler e reler...

O Principezinho

...E foi então que apareceu a raposa:
- Bom dia, disse a raposa.
- Bom dia, respondeu polidamente o principezinho, que se voltou, mas não viu nada.
- Eu estou aqui, disse a voz, debaixo da macieira...
- Quem és tu? Perguntou o principezinho. Tu és bem bonita...
- Sou uma raposa, disse a raposa.
- Vem brincar comigo, propôs o principezinho. Estou tão triste...
- Eu não posso brincar contigo, disse a raposa. Não me cativaram ainda.
- Ah! Desculpa, disse o principezinho. - Que quer dizer "cativar"?
- É uma coisa muito esquecida, disse a raposa. Significa "criar laços..."
- Criar laços?
- Exactamente, disse a raposa. Tu não és ainda para mim senão um garoto inteiramente igual a cem mil outros garotos. E eu não tenho necessidade de ti. E tu não tens também necessidade de mim. Não passo a teus olhos de uma raposa igual a cem mil outras raposas. Mas, se tu me cativas, nós teremos necessidade um do outro. Serás para mim único no mundo. E eu serei para ti única no mundo... Se tu me cativas, minha vida será como que cheia de sol. Conhecerei um barulho de passos que será diferente dos outros. Os outros passos me fazem entrar debaixo da terra. O teu me chamará para fora da toca, como se fosse música. E depois, olha! Vês, lá longe, os campos de trigo? Eu não como pão. O trigo para mim é inútil. Os campos de trigo não me lembram coisa alguma. E isso é triste! Mas tu tens cabelos cor de ouro. Então será maravilhoso quando me tiveres cativado. O trigo, que é dourado, fará lembrar-me de ti. E eu amarei o barulho do vento no trigo...
A raposa calou-se e considerou por muito tempo o príncipe:
- Por favor... Cativa-me! Disse ela.
- Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a conhecer.
- A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer alguma coisa. Compram tudo prontinho nas lojas. Mas como não existem lojas de amigos, os homens não têm mais amigos. Se tu queres um amigo, cativa-me!...

Autor: Antoine de Saint Exuperry

Nota:
Apesar deste livro ter sido editado em 1943, continua ser um livro bastante actual. Uma lição de VIDA para crianças e adultos!
Nos dias de hoje corremos atrás de uma network gigantesca, seja via hi5, facebook ou outros. Tentamos, sem sentir, inserir-nos na sociedade como um número e, como números temos os outros. Esquecemo-nos muitas vezes do que é importante, CATIVAR o outro. Amigos cativados não saltam de mês em mês, ou ano em ano, ficam para sempre, ficam para uma VIDA.

Obrigado a todos aqueles que me consideram AMIGO e especialmente a todos aqueles que o demonstram. Fico feliz por serem muitos e bons!

Agradecimento: Obrigado à Paula, uma rapozinha!

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

Free Your Mind... Be Alive! 56

Olá a todos,

A maioria de todos aqueles que conheço tem um problema/desafio que é transversal à nossa sociedade actual: "A falta de tempo".
Normalmente andamos a correr como se "TUDO" fosse uma prioridade, reuniões, e-mails, contactos, conversas de café, televisão etc... etc...
Fará isto sentido? Não nos estaremos a esquecer de algo mais importante?

Assim deixo-vos algumas perguntas interessantes para reflexão e quem sabe alguma ACÇÃO:

  1. Há quanto tempo não páras para pensar na tua VIDA?
  2. Quanto tempo dedicas ao teu plano de VIDA?
  3. Quantas reuniões marcas na tua agenda para falares contigo próprio?

Se não o fazes com medo das respostas, algo está mal!
Senão o fazes porque não tens tempo, algo está mal!

Uma coisa te posso dizer:

"Se ficares confuso com as respostas é porque em breve irás aprender algo muito importante"

Dedica-te a TI primeiro, e tudo o resto irá fazer sentido.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 55

Olá a todos,

Assim com muitos sabem, este FDS estive em mais um evento de Desenvolvimento Pessoal - SIM TU PODES - Evento este, conduzido por uma empresa e equipa fantástica de nome BEcoach. O meu agradecimento a todos eles e, especialmente, ao meu grande AMIGO Jorge Coutinho, que mais uma vez me deu uma grande lição de VIDA. O meu muito obrigado.

Vi, ouvi, e especialmente, senti coisas, que provavelmente só as 60 pessoas que estavam presentes e que tiveram a decisão fantástica de estar naquele local durante 2 dias e meio, poderão compreender. O meu muito obrigado também a elas por me continuarem a fazer crescer.

No entanto, também eu contribui para essas 60 pessoas com um caso real de transformação em mim, no seguimento do primeiro evento de Desenvolvimento Pessoal em que participei. Faz sentido, AGORA, partilhar também com vocês.

Na esperança de despertar em vocês algo que esteja adormecido, leiam a carta que escrevi a toda a minha família (Pai, Mãe, Namorada, Irmã, Cunhado e 3 sobrinhas lindas : ) ) num Fim-de-Semana Surpresa totalmente organizado por mim. Todos tinham a carta em anexo nas suas camas quando chegaram ao hotel.

Não imaginam o que recebi em troca....

Sejam felizes...

CARTA:

Querida Família,

É com MUITA satisfação, que sei que estão a ler esta carta. Não pela carta em si, mas porque sei que esse é um sinal de que iremos ter um fim-de-semana em família, com tranquilidade e sem as preocupações daquela “Vida” que todos deixámos temporariamente para traz. Mas principalmente, porque Vos quero deixar uma mensagem, clara e vinda do fundo do meu coração:

VOCÊS SÂO AS PESSOAS QUE EU MAIS AMO NESTE MUNDO…

Nos dias de hoje, e à velocidade da nossa sociedade, escasseiam momentos de plena tranquilidade e de felicidade com aqueles que mais gostamos. Os anos passam, e no nosso entendimento, os nossos companheiros, Pais, irmãos e sobrinhos, são aquelas pessoas que um dia se “cruzaram” connosco, aquele dia em que lhes tirámos aquela “fotografia”, e ponto final! Esquecemo-nos que TODOS, e não importa a idade, de dia para dia, vão crescendo ao seu ritmo, vão mudando a sua personalidade, vão tendo as suas dificuldades, as suas vitórias e derrotas e, à sua medida, vão-se transformando como pessoas. Cometemos sempre o mesmo erro! Não nos libertamos daquela preocupação de ter mais e cada vez mais, ou de educar os outros sobre regras de alguém, sem nunca nos questionarmos!
E por vezes, quando nos apercebemos que afinal não conhecemos TUDO, sobre aquela pessoa que tanto AMAMOS, às vezes já é tarde.

Trabalhar muito, ganhar muito e não aproveitar a vida? Não obrigado.
Educar, educar e perder tempo sem fazer perguntas ou brincar? Não obrigado.

Eu, por exemplo, tenho a consciência de que por vezes, com vocês, sou implacável, e não me esforço para me adaptar a cada um de vós! Perco a calma e sou arrogante! Ok! Sim, estou sempre disponível para ajudar. Sim, podem sempre contar comigo. Também sou meigo e brincalhão! E estou certo que largaria qualquer coisa neste mundo só para vos ajudar, mas será que Vos demonstro? Será que entre laços familiares, não temos demasiados dados adquiridos que fazem não nos esforçarmos com a intensidade que o nosso coração pede?

A resposta a todas estas minhas questões, estão mais fáceis de entender hoje. Quem quer que esteja lá em cima, esse tal de engenheiro do planeta TERRA, sabia o que fazia. E para isto não ser uma seca, criou PARADOXOS: (Exemplos)

Segurança Vs Liberdade (Estar casado ou solteiro?) , (só educar ou só brincar?)
Amar Outros e ser Amado Vs Amor-próprio (Estar com quem gosto ou estar com quem me dá status?)
Estar em estado êxtase Vs ser consciente (Fazer o que me dá na cabeça e no coração ou fazer tudo sobre regras?)
Contribuir Vs Crescer (Dar ou receber?)

Resposta: Não devemos estar sobre um dos lados do paradoxo mas sim procurar o EQULIBRIO!

Pois é! Não é fácil … Mas pode ser divertido.

Eu decidi que tem de ser divertido. E isso passa por fazer feliz, em primeira instância a minha PESSOA e depois TODOS aqueles que estão à minha volta.

Obrigado por terem vindo e DIVIRTAM-SE

Sugestão: Permitam-se a não dizer “não” durante todo o FIM de SEMANA (meninas aproveitem : ) )

Para finalizar, permitam-me sugerir uma reflexão a todos vocês, quando estiverem a olhar para a magnífica paisagem, mesmo podendo estar a chover, que vão encontrar neste local:

Se tivesses uma semana, ou mesmo um ano de Vida, o que gostarias de fazer?

Eu? Principalmente, estariar aqui com vocês! E muito mais…. Acreditem!

Agora liberta a tua mente e pergunta-te porque raio é que não fazes hoje tudo aquilo que precisas para ser feliz? PORQUÊ? PORQUÊ? PORQUÊ? Se já o és… Parabéns.

O facto é que o tempo não pára para ninguém…

Do fundo do meu coração, estou grato pela família que tenho.

Obrigado!!! – ADORO-VOS


Luis Carpinteiro

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 54

Olá a todos,

Numa conversa muito divertida com Deus, surgem inúmeras oportunidades para fazer questões... deixo-vos um exemplo:

Autor - "Mas eu fui educado na crença de que o bem e o mal existem mesmo, que o certo e o errado são opostos, que certas coisas não estão bem, não estão certas, não são aceitáveis aos olhos de Deus.

Deus - (...) Defende as tuas convicções e mantêm-te fiel aos teus valores, pois são os valores dos teus pais, dos pais dos teus pais; dos teus amigos e da tua sociedade. Formam a estrutura da tua vida e perdê-los seria desafiar o tecido da tua experiência. No entanto, examina-os um por um. Revê-os peça por peça. Não desmanteles a casa, mas inspecciona cada um dos tijolos e substitui os que parecem estar partidos, os que já não suportam a estrutura.
As tuas ideias quanto ao certo e ao errado são apenas isso - ideias. São os pensamentos que moldam e criam a substância de Quem Tu És. Há apenas um motivo para mudares qualquer uma delas, apenas um propósito em fazer uma alteração. Se não estiveres satisfeito com Quem Tu És.
Só tu podes saber se estás satisfeito. Se os teus valores te convêm, conserva-os. Discute por eles. Luta para os defenderes.
Procura, no entanto, lutar de forma a que não magoes ninguém. A dor não é um ingrediente necessário à cura. (...)

(...) Eu não disse que os teus valores estão errados. Mas também não estão certos. São, apenas, juízos. Avaliações. Decisões. São, na sua maioria, decisões tomadas não por ti mas por outra pessoa qualquer. Talvez pelos teus pais. Pela tua religião. Pelos teus mestres, historiadores, políticos.
Muito poucos juízos de valor dos que incorporaste na tua verdade são juízos que tu, tu próprio, fizeste com base na tua experiência pessoal. (...)

(...) não querem admitir que os vossos pais, as vossas escolas, as vossas religiões, as vossas tradições, as vossas sagradas escrituras estejam erradas - por isso renegam a vossa própria experiência em favor daquilo que vos ensinaram a pensar. (...)

(...) É esse o pecado que todos cometeram. Todos Vós. Não esperam pela vossa própria experiência, aceitam a experiência dos outros como um evangelho e depois, ao encontrarem pela primeira vez a verdadeira experiência, levam para esse encontro a sobrecarga daquilo que acham que já sabem. (..)

(...) Não há melhor exemplo disso que a forma como lidam com a sexualidade humana. Toda a gente sabe que a experiência sexual pode ser a mais amorosa, mais excitante, mais poderosa, mais exultante, mais renovadora, mais revigorante, mais vinculadora, mais íntima, mais unificadora e mais recreativa das experiências físicas de que os seres humanos são capazes. Tendo-o descoberto experiencialmente, optam por aceitar, em vez disso, os anteriores juízos, opiniões e ideias sobre o sexo promulgadas por outros (...)

(...) Se conseguires dizer ao mundo quem és e aquilo em que acreditas sem embaraços ou hesitações, é porque estás satisfeito contigo mesmo (...)"

Livro: Conversas com Deus
Autor: Neale Donald Walsch

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 53

Olá a todos,

"...Se, num dado momento, vieres a sentir que atingiste a tua mais plena glória, logo nesse preciso instante imaginarás uma glória ainda maior a atingir. Quanto mais fores mais podes tornar-te e quanto mais te tornares mais ainda poderás vir a ser.

O Segredo mais profundo é que a vida não é um processo de descoberta mas sim um processo de criação. Não estás a descobrir-te a ti mesmo, mas a criar-te de novo. Procura, portanto, não descobrir Quem És mas sim definir Quem Queres Ser..."

Livro: Conversas com Deus
Autor: Neale Donald Walsch

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 52

FYM & BA n.52 = 52 semanas de partilha = 1 ANO = http://freeyourmindbealive.blogspot.com/

Olá a todos,

Esta é uma mensagem de celebração, felicitação e agradecimento:

  • Celebração para mim, porque quando iniciei este projecto tinha como objectivo GURU (hoje objectivo bebé) a partilha de mensagens durante 1 ano.
  • Felicitação e agradecimento para todos vocês, que durante este ano me apoiaram directa e indirectamente, com respostas aos meus e-mails, com associações às minhas partilhas, com questões e com todas as dúvidas que me foram colocando. Fizeram-me pensar, reflectir e principalmente CRESCER.


O meu muito OBRIGADO!


Hoje, para aqueles que se lembram do que é um SAR (Sistema de Activação Reticular), eis aquilo que podem fazer para activar elevado foco em vários objectivos da Vossa Vida:

  1. Valoriza-te já! Escreve todos os objectivos já realizados até HOJE. Por mais pequenos que sejam, se te vierem à cabeça é porque são importantes. (ex: Ter filhos, casar, uma profissão, um curso, uma pós-graduação, a leitura de 1 livro, uma viagem, alguém que ajudaste, conseguir ir ao ginásio, inscrição em cursos, algum record, uma actividade radical. Valoriza-te! Olha para o que já conseguiste na TUA VIDA...
  2. Agora, Volta a SONHAR – Pensa em GRANDE e durante 10 minutos escreve todos os objectivos/Sonhos que te vierem à cabeça. Permite-te SONHAR. Ex: Ser Presidente da República, Ser um excelente Pai, Ser alguém famoso, Ser Director de uma grande empresa, erradicar a fome e a guerra no Mundo, ter um barco, dar a volta ao Mundo, conduzir um Ferrari ... SONHA como quando eras um bebé! Sem condicionamentos.
  3. Por fim, Decide já! HOJE - Diariamente, semanalmente, mensalmente, escreve todos os teus objectivos guru e bebé. ACREDITA que esta vai ser uma ferramenta BRUTAL para o teu FUTURO. Ex: Fazer desporto 3x semana, perder 10 kilos, ler 4 livros por ano, frequentar 2 cursos por ano, visitar a China, saltar em queda livre, quadruplicar o meu salário, subir O Everest, ser voluntário 1x mês, contribuir para uma causa com 2% do meu salário, Ser o n.1 da tua organização, comprar um monte Alentejano, abrir uma empresa, escrever um livro...


Inconscientemente e conscientemente, estarás, a partir deste momento, em ALERTA TOTAL para uma vida melhor. A TUA VIDA!

DECIDIR E ESCREVER OBJECTIVOS = COMPROMISSO = SUCESSO = VALORES = FELICIDADE.

NOTA: Os objectivos Guru são os nossos sonhos, mas os objectivos bebés são os degraus para lá chegar... foca-te em objectivos bebés e os GURU ficarão mais próximos.

Escrevam os vossos objectivos e sejam felizes!

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 51

Olá a todos,

A resposta às 10 perguntas do FYM&BA 49 tinha um propósito, que só fará sentido, caso tenhas aceite a sugestão de levar essas 10 questões muito a sério.

Não sei quais foram as tuas respostas às 10 perguntas, as sensações por que passaste, as reflexões que conseguiste, os ensinamentos que obtiveste, se tiveste medo, se ficaste triste, alegre ou se te divertiste?! Mas sei algo…

… Se foste sincero contigo nessas respostas, foste TU.

Sem quase te aperceberes, trouxeste os teus VALORES, as tuas CRENÇAS, as tuas MOTIVAÇÕES, os teus OBJECTIVOS mais profundos. Fizeste, numa pequena reflexão, aquilo que muitas pessoas não fazem durante uma VIDA. Activaste a tua CONSCIÊNCIA, para o que realmente é importante…

As tuas respostas foram PODEROSAS, foram iguais a TI Próprio!

Porque não és “totalmente” feliz? Agora já sabes que és TU que tens as respostas.

Sê TU mesmo. Sê FIEL a TI Próprio. Corre atrás dos teus SONHOS. Sê GRATO por tudo o que tens na vida.

aos Outros aquilo que queres para TI e o teu Propósito de Vida – a pergunta a que todos queremos resposta – irá surgir de forma espontânea.

Sugestão:
Começa hoje, a VIVER. Faz aquele telefonema que pensas fazer há muito tempo. Agradece a todos os que te ajudaram a crescer e a ser uma melhor pessoa. Diz a quem amas – AMO-TE –. Se podes fazer a diferença na vida de alguém, avança. Projectos na gaveta cá para fora! Aquele curso, aquele livro, aquele evento, aquela viagem? Decide HOJE. Escreve tudo o que queres...

Decide HOJE:
Escrever todos os objectivos já realizadosvaloriza-te como pessoa e profissional.
Escreve todos os teus objectivos “bebés” diariamente, semanalmente, mensalmente ou uma vez ao ano! Mas escreve. – Cria entusiasmo e satisfação.
Escreve todos os teus objectivos “GURU” diariamente, semanalmente, mensalmente ou uma vez ao ano! Mas escreve. – SONHA MUITO!

Acção! Acção! Acção!

Seguir os nossos Valores = Resultados

Boa Sorte para a TUA VIDA.

Agradecimento:
O meu muito obrigado a todos vocês, Família, Amigos e Colegas, por me “ajudarem” a VIVER neste Mundo Fantástico. A Vossa presença facilitou, facilita e facilitará sempre tudo.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

Free Your Mind... Be Alive! 50

Olá a todos,

Hoje no FYM & BA nº50 deixo-vos uma ferramenta que pode mudar a tua Vida ou a forma como olhas para os teus objectivos.

SAR – Sistema de Activação Reticular

O teu sistema de activação reticular é como um filtro entre a tua mente consciente e a tua mente inconsciente. Ele recebe instruções da tua mente consciente e passa-as para o teu inconsciente. Por exemplo, a instrução pode ser, “ouvir alguém dizer o meu nome”.

O interessante sobre o sistema de activação reticular é que podes fazer dele uma importante ferramenta para atingir objectivos pois podes deliberadamente programá-lo escolhendo a mensagem exacta que envias da tua mente consciente.

Alguns exemplos:

  • Se o teu nome é Luís e vais na rua e ouves essa palavra, a tua mente inconsciente fica alerta;
  • A partir do momento que engravidas, vês crianças e grávidas em todos os lados;
  • Quando compras aquele carro que achas único, de cor única, no dia seguinte vais ver muitos mais do que vias anteriormente;
  • Quando um homem chega à praia activa inconscientemente o seu SAR para ver mulheres bonitas.
  • O Presidente Obama activou o SAR dos EUA com um “tudo é possível” e “a cor é possível”. Etc… etc…


Ou seja, o SAR é um filtro do que vês e do que não vês. E este, se não controlado, condiciona a nossa visão das coisas.
Na compra de um IPHONE, por exemplo, na maioria dos casos, o Marketing consegue que na decisão de compra, 85%, está ligada à mente e às emoções, ficando os restantes 15% para o que vês na realidade! Então, existe um “preconceito” (SAR) que alguém activou.

Como posso hoje influenciar melhor os meus SARS principais?

  • Colocar e associar emoções a decisões, tarefas ou situações. Ex: Música, Celebração, algo muito estranho que fique ligado ao momento.
  • Escrever diariamente ou semanalmente os teus objectivos GURU e os teus objectivos Bebé.

Normalmente, temos activos 5 a 9 SARS principais. Existem pessoas que tem activado o SAR dos problemas ou estão tão baralhadas e focadas em demasiadas coisas que perdem o seu objectivo principal – Ser Feliz.

Se pensares que o nosso cérebro é um computador de grande capacidade, só tens que o reprogramar com SARS verdadeiramente importantes para Ti.

Já reparaste que és TU que decides qual o sistema operativo que queres utilizar no teu cérebro?!!!

Workshop: Trata a vida por tu - http://www.wecreate.pt/
Formador: Daniel Sá Nogueira

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 49

Olá a todos, Cépticos e Freaks,

Estou em estado "BLISS", estou em êxtase para vos escrever esta partilha hoje. E porquê? Porque nos últimos 3 dias, convidado por uma Amiga, estive num evento de 600 pessoas, no Casino Estoril, na área de DESENVOLVIMENTO PESSOAL, com o nome: TRATA A VIDA POR TU. E posso dizer-vos que foi simplesmente BRUTAL!!! Alguns de vós devem ter recebido umas SMS "estranhas", mas quando tiver oportunidade, terei todo o gosto em explicar-vos...

Antes de deixar a partilha desta semana, quero dizer-vos que este Vosso Amigo, já é um FIREWALKER, ou seja, andei sobre o fogo, sobre brasas, e inacreditavelmente descalço... Huuuuuuuuuuuuaaaaaaaaaaauuuuuuuuuuuuuuu... Mais um MEDO que ficou para traz!!!!

Vejam e Sintam:










Mensagem muito INTENSA - Acreditem: (apesar de parecer extensa, vai valer a pena chegar ao fim!)
Coloca um cd de música tipo "profundo", daqueles que quase consegues estar em estado ZEN e relaxa, conscientemente ou, coloca-te em extado de excitação, sente os sons a vibrarem dentro de ti e depois quando achares que estás preparado e, até um pouco inquieto, imagina as seguintes situações:

1º O teu médico de família liga e diz: Tens 1 semana de vida.
O que fazes? Como te sentes? Com quem queres estar? Como vais dar a noticia? O que lhes queres dizer? O que farias no último dia da tua vida? Quais os teus objectivos para essa semana? Quais as tuas últimas palavras?

2º O médico volta a ligar e diz: Desculpe mas enganei-me. Você afinal tem um ano de Vida.
Qual a tua reacção? Com quem vais falar? Como vais dar a noticia? O que mudarias na tua vida? Quais as pessoas que querias ao teu lado? Que hobbies? Que viagens? O teu trabalho? Os teus projectos? Quais os teus objectivos para o último ano da tua vida?

3º O médico volta a ligar e diz: Desculpe mas encontrei a cura para a sua doença. Entretanto, estás na tua festa dos 100 Anos e tens lá todas as pessoas que te são queridas, família, amigos, colegas a festejar e, incrivelmente, os teus pais ainda estão vivos : )
Quais as tuas palavras sábias a todos os presentes na sala? O que gostarias de dizer a essas pessoas? A quem especialmente? Quais os seus nomes? Quais os ensinamentos que gostarias de partilhar com quem mais amas e com quem te tem amado? O que fizeste de bom nessa vida? Que sucessos tiveste? Valores? Pedem-te um discurso. Qual a tua frase final para toda a família e amigos?

4º Imagina agora que vives numa comunidade de 100 pessoas afastado do resto das povoações.
Qual a função que gostarias de ter nessa comunidade? Como seria a comunidade? O que teria essa comunidade de especial? Consegues descreve-la?

5ª Escolhe 3 pessoas que sejam uma referência para ti e em quem tens orgulho. (pelo menos uma deve ser tua conhecida)
Agora define 3 das suas qualidades para serem uma referência para ti.

6º Encontra alguem que idealizes, como Deus, Buda ou outro. Veste a sua pele por uns momentos...
Agora faz-lhe a pergunta: Deus/Buda o que preciso EU, para ser feliz já?

7º Buda/Deus devolve-te uma pergunta:
E TU conta-me o teu maior sonho?

8º DECIDE AGORA, algo que precises de mudar na tua Vida, mesmo que isso te traga MEDO. Algo muito IMPORTANTE para TI. Aquela decisão!
Escreve.

9º Depois dessa grande decisão define agora qual será o teu objectivo. Este deve ser Mensurável, Específico, Temporizado, Positivo e em que acreditas.
Escreve.

10º Imagina que por 1 ano és um mágico e certo dia está a chover. Tens a capacidade de lançar gotas com uma única mensagem para os ouvidos de todas as pessoas do Mundo. (para todos os que receberam uma SMS minha a meio da tarde de ontem, essa era a minha mensagem para o Mundo)
Qual seria a tua frase?

Nota: A resposta a estas 10 perguntas tem um propósito que só te será partilhado num dos próximos FYM & BA. E Só fará sentido, caso aceites a sugestão de levar estas 10 questões muito a sério, com um bom CD, música tipo banda sonora do gladiador, Enya ou outro... desde que fiques num estado excitado, entusiasmado ou muito calmo e com consciência muito activa.

Por Último: ACREDITA! ACREDITA! ACREDITA em mim. Vai ser Brutal!

Workshop: Trata a vida por tu - http://www.wecreate.pt/
Formador: Daniel Sá Nogueira -


Agradecimento: Obrigado Claúdia por me teres proporcionado este Workshop, esta ferramenta BRUTAL para a minha Vida.


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 48

Olá a todos,

Faça a sua parte

Em um certo lugar do Oriente, um Rei resolveu criar um lago diferente para as pessoas do seu povoado. Ele quis criar um lago de leite!
Então pediu para que cada um de seus súbitos levasse apenas um copo de leite; com a cooperação de todos, o lago seria preenchido.

O Rei muito entusiasmado esperou até a manhã seguinte para ver o seu lago de leite.
Mas, qual não foi a sua surpresa, no outro dia pela manhã, quando viu o lago cheio de água e não de leite.
Consultou o seu conselheiro que o informou, que as pessoas do povoado tiveram todas o mesmo pensamento:
No meio de tantos copos de leite, se só o meu for de água, ninguém vai notar...

Pense nisto!
É por isso que estamos nessa situação, onde todos por comodismo esperam pelos outros!
Não espere pelo leite dos outros para encher o lago da vida, participe com sua parte!

Autor: Anónimo

Nota Pessoal:
A Iniciativa pode ser estimulante e motivadora, mas por vezes, viciante e castradora, quando inconscientemente, não damos espaço a outros para se expressarem ou tomar decisões.
Mas a falta de Iniciativa, coloca-nos dentro de uma concha, uma concha bem pequena e, com o passar dos anos, com o crescimento “físico” e “mental” do nosso corpo, sem iniciativa, a concha torna-se pequena e perdemos espaço... e sem espaço sentimo-nos frustrados e pressionados por esta sociedade!
Assim, respeite os outros. Mas contribua sempre que puder com algo positivo.

Sugestão:
Participa com a tua parte e enche o lago da tua vida. Durante os próximos dias, toma iniciativa nas áreas que raramente o fazes e avalia os resultados! (Exemplos das várias áreas que podes avaliar: Família, Saúde, Amizade, Desporto, Profissional, Espiritual, Desenvolvimento Pessoal, etc...)

: ) Eu vou voltar ao ginásio...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 47

Olá a todos,

Hoje deixo-vos uma reflexão sobre MEDO.

"Em última análise, sabemos muito bem que
o outro lado do medo é uma liberdade."
Marilyn Fergunson

MEDO

Em crianças somos ensinados a ter medo das coisas a fim de nos mantermos em segurança. Em vez de ocuparem o tempo a explicar os perigos e as subtis nuances de um enorme mundo desconhecido, os nossos bem intencionados pais e guardiães transmitem-nos uma espécie de "estenografia do medo" num esforço para garantir a nossa sobrevivência. Porque estamos condicionados para pensar que o nosso medo nos manterá seguros, muitas vezes tratamo-lo com uma "luz vermelha" – Um sinal do nosso corpo de que devemos parar.
A inteligência é que nos mantém seguros... o que seria útil era alguém explicar tudo - não como se a criança fosse estúpida ou descuidada ou com inclinação para o desastre - mas simplesmente dando informação a alguém que não a tem.

Alguns exemplos de vencer o MEDO:

Ter finalmente aquela conversa que tem andado a evitar, para descobrir que não era grande coisa e que a relação com que estava preocupado em destruir é agora mais forte do que nunca.


Sair do armário em relação ao seu segredo mais profundo e mais negro, descobrindo que já toda a gente sabe e/ou ninguém se importa!


Descobrir que a pessoa de quem tinha tantos ciúmes ou que tanto o assustava tinha realmente ciúmes de si e estava assustada consigo.


Ver-se frente a frente com aquilo que mais receia e perceber que o que o tornava tão assustador era a história que você mesmo tinha contado acerca do que significaria relativamente a si e à sua vida se a "percebesse mal".


"Muitas vezes, basta um vislumbre de liberdade para eliminar o medo para sempre."

Free Your Mind.

Livro: Chega Aonde Quiseres
Autor: Michael Neill

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

domingo, 27 de setembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 46

Torne ambiente mais leve e sem mágoas

Dois monges preparavam-se para atravessar um rio, quando encontraram uma mulher muito bonita, que também desejava atravessá-lo, mas estava com muito medo. Um deles resolveu, então, carregá-la até à outra margem. O outro monge ficou indignado como o seu amigo. Afinal, ele tinha desrespeitado uma regra: um monge nunca deveria tocar numa mulher. Mas não disse nada, apenas engoliu a sua raiva.
Percorreram quilómetros até chegarem ao mosteiro. O monge enraivecido voltou-se para o primeiro e finalmente disse:
- Olhe, terei de contar ao mestre o seu comportamento proibido.
- Do que está a falar? - perguntou o primeiro monge.
- Ora, do seu comportamento. Ou já se esqueceu que tocou naquela mulher e a carregou nos braços?
O primeiro monge riu-se e, calmamente, replicou:
- Sim, eu peguei-lhe ao colo, mas deixei-a lá, na outra margem do rio, há quilómetros atrás. Você, pelo contrário, ainda está a carregar com ela.

A moral desta história é que o significado que damos às coisas nem sempre é o mesmo das outras pessoas. Você pode transportar consigo uma carga de infelicidade, sem necessidade. Promova a comunicação na empresa e torne o ambiente mais leve e menos carregado de mágoas, muitas vezes causadas por coisas tão pequenas e irrelevantes.

Um Livro: O que podemos aprender com os gansos 2ª Edição
Autor: Alexandre Rangel
Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

Free Your Mind... Be Alive! 45

Olá a todos,

aqui está FYM&BA da passada semana!

Cada um constrói a empresa onde trabalha

Um carpinteiro estava para se aposentar. Contou ao chefe os seus planos de deixar o serviço de carpintaria e de construção de casas, para viver uma vida mais calma com a família.
Claro que um salário mensal faria falta, mas ele desejava muito reformar-se. O dono da empresa sentiu pena ao saber que iria perder um dos seus melhores empregados e pediu-lhe que construísse uma última casa, como um favor especial.
O carpinteiro concordou, mas com o tempo, via-se que o seu pensamento e o seu coração não estavam no trabalho. Ele já não se empenhava como antes no serviço e acabou até por utilizar mão-de-obra e matéria primas de qualidade inferior. Uma maneira lamentável de encerrar a carreira.
Quando o carpinteiro terminou o trabalho, o seu ex-chefe foi inspeccionar a casa. No fim da visita, entregou a chave da porta ao carpinteiro.
- Esta casa é sua – disse-lhe. - É o meu presente para si.
Que choque! Que vergonha!
Se soubesse que estava a construir a sua própria casa, teria feito tudo diferente, não seria tão inconsequente. Agora era obrigado a morar numa casa feia de qualquer maneira.

Assim também acontece connosco. Às vezes, trabalhamos de maneira distraída, reagindo mais do que agindo, desejando colocar sempre menos do que o nosso melhor.

Lembre-se de que constrói a empresa onde trabalha. Você é o carpinteiro (e por acaso até sou... de nome!). A realização das suas tarefas, ou seja, a qualidade do seu trabalho, é que definirá a qualidade do seu local de trabalho.

Livro: O que podemos aprender com os gansos
Autor: Alexandre Rangel


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Aquele Abraço – Forte & Sincero

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 44

Olá a todos,

Hoje, e para quem gosta de psicoterapia, deixo-vos uma anedota que explica de forma simples as 3 grandes linhas de pensamento, na exploração da problemática do paciente.

Existem as escolas que se centram no:
Passado – Psicanálise ortodoxa que procura o "porquê";
Futuro – Behaviorismo que procura o "Como", com mudanças de atitude (fazer diferente) para alcançar um objectivo;
Presente – Procura do auto-conhecimento e bom nível de auto controlo dos recursos (viver o momento).

Anedota:
Um Homem sofre de encoprose (caga-se todo). Vai a uma consulta e o médico, depois do examinar e investigar, não encontra nenhum motivo físico que explique o seu problema. Então, sugere-lhe que vá a uma consulta de psicoterapia.

Final com psicanalista ortodoxo:
Passado 5 anos, o homem encontra-se com um amigo.
- Olá! Que tal vai a terapia?
- Fantástica! - responde o homem, eufórico.
- Já não te cagas todo?
- Olha, cagar ainda cago, mas agora já sei porquê!

Final com terapeuta behaviorista:
Passado 5 dias, o homem encontra-se com um amigo.
- Olá! Que tal vai a terapia?
- Genial! responde o homem, eufórico.
- Já não te cagas todo?
- Olha, cagar ainda cago, mas agora uso fraldas "TENA"!

Final com terapeuta gestáltico:
Passado 5 meses, o homem encontra-se com um amigo.
- Olá! Que tal vai a terapia?
- Maravilhosa! responde o homem, eufórico.
- Já não te cagas todo?
- Olha, cagar ainda cago, mas agora estou-me nas tintas!

Livro: Deixa-me que te conte
Autor: Jorge Bucay

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 43

Olá a todos,

Ofertas para o marajá

Uma vez, um marajá que tinha fama de ser muito sábio fez 100 anos. O acontecimento foi celebrado com grande alegria, já que todos gostavam muito do seu governante. No palácio, organizou-se uma enorme festa para aquela noite e foram convidados senhores poderosos do reino e de outros países.
Chegou finalmente o dia e acumulou-se uma montanha de prendas na entrada do salão, onde o marajá ia receber os seus convidados.
Durante o banquete, o marajá pediu aos seus criados que separassem as prendas em dois grupos: as que tinham remetente e as que não se sabiam de quem eram.
À sobremesa, o rei mandou trazer todas as prendas em duas pilhas, umas centenas de prendas grandes e caras, e outra mais pequena com apenas uma dezena de ofertas.
O marajá começou a abrir as prendas da primeira pilha e foi chamando o nome das pessoas que as tinham enviado. Fez todas elas subir ao trono, uma a uma, para lhes dizer:
- Agradeço a tua prenda, devolvo-ta e ficamos quites - e devolvia a prenda fosse a quem fosse.
Quando terminou a primeira pilha, aproximou-se da segunda e disse:
- Estas ofertas não têm remetente. Estas, sim, vou aceitar, porque não me obrigam a nada e, com a minha idade, não me convém contrair dívidas.

Sempre que recebemos alguma coisa, é natural que nos passe pela cabeça, ou pela da outra pessoa, transformar essa dádiva numa dívida. Se assim for, é preferível não receber nada.
Mas se fores capaz de dar sem esperar nada em troca e de receber sem sentires obrigações, então podes dar ou não, receber ou não, mas jamais ficarás endividado. E, acima de tudo, nunca mais ninguém deixará de te pagar o que deve, porque jamais alguém te deverá seja o que for.

Livro: Deixa-me que te conte
Autor: Jorge Bucay

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 42

Olá a todos,

A Realidade (Razão)

“A realidade é sempre a mesma. E é o que é. No entanto, podemos interpretar uma situação de uma maneira ou de outra completamente oposta.
Cuidado com as tuas percepções, dizia Badwin, o sábio.

Se o que vês encaixa ”à justa” na realidade que mais te convém…
... desconfia dos teus olhos!

Muitas vezes ninguém está errado. O que acontece é que vêem a realidade de posições diferentes.
O único erro, quase sempre, é pensar que a posição em que me encontro é a única da qual se consegue ver a realidade.”

“O Surdo acha sempre que os que dançam estão loucos”

Livro: Deixa-me que te conte
Autor: Jorge Bucay

Nota/Sugestão:
Por vezes parece que a razão nos persegue e, todos à nossa volta simplesmente não vêem o que os nossos olhos vêem … e não compreendem!
A sugestão é simples: ouve os outros, escuta o que te dizem… por vezes estamos a pensar exactamente a mesma coisa e acabamos por complicar… Entende os motivos, questiona o método, conversa, comunica. Todos à nossa volta já nos ensinaram algo. Quer queiras ou não, eles vão continuar a ensinar-te.

Agradecimento: Obrigado Cláudia e Luís por este Livro. Estes contos simplificam o que parece complicado!!!

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 41

"Se há algo de que não gosta, mude-o.
Se não for capaz de o mudar, mude de atitude.
Não se queixe"
Maya Angelou

Olá a todos,

Hoje partilho com vocês um desafio que aceitei no meu dia de aniversário: Imaginem o desafio de estar 21 dias sem nos queixarmos verbalmente.
Simples não é?! Eu também pensei dessa forma. O que é certo é que desde o dia 22 de Julho e, até hoje, ainda não consegui passar mais de 48h sem me escapar uma queixa, um mexerico ou uma crítica a alguém... (o transito em Lisboa é um problema neste desafio!!! Acreditem...)

O "jogo" é simples. Com o livro, vem uma pulseira roxa que terás de colocar num dos teus pulsos. Depois o jogo começa e cada vez que te sair uma queixa da boca mudas a pulseira para o outro pulso. O simples facto desse movimento, faz toda a diferença. Posso adiantar-vos que é incrível o que se passa nos dias seguintes...
A média dos campeões deste desafio situa-se entre os 4 e os 8 meses! Boa sorte.

Uma ideia simples que Vos poderá ajudar a serem pessoas mais positivas, logo, mais focadas nas coisas boas da vida.

Nota: Se a pulseira roxa for demasiado arrojada para ti descobre o teu elemento de consciência. Ex.: Uma pedra no bolso.

Um Mundo sem queixas


Se é verdade que os nossos pensamentos criam a nossa realidade, então as coisas boas acontecem a quem conseguir deixar de se queixar.
A proposta é um desafio de 21 dias sem fazer queixas. - o tempo necessário, segundo estudos científicos, para consolidar novos hábitos ou abandonar vícios. Se mudar o seu discurso mudará os seus pensamentos...

Autor do Livro: Will Bowen
Site: http://www.acomplaintfreeworld.org/

Nota: Este livro, esta ideia, irá guiar-vos por quatro capítulos, quatro estádios, por onde temos que passar, para sermos competentes em qualquer área:
Incompetência inconsciente – Não se apercebe do número de vezes que se queixa.
Incompetência consciente – Ganhamos a desconfortável noção do quanto nos queixamos.
Competência consciente – Consciente de tudo o que diz (pensa muito antes de falar e não se queixa)
Competência inconsciente – Já não se queixa e já nem repara.
Sugestão: Agora olhem para as várias áreas da Vossa vida e posicionem-se nos vários estádios.

Agradecimento: Obrigado Carla por este desafio que me tem ajudado a ter um discurso mais positivo.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 40

"Quem disse que o preço dos sonhos é baixo?"
Débora Bötcher

Olá a todos,

Hoje partilho com vocês um filme que há muito estava na minha lista de filmes/livros para ver ou ler.

Esta obra de arte é um verdadeiro soco no estômago à sociedade actual!
Um olhar sobre uma Sociedade hipócrita, materialista e totalmente condicionada por uma ambição desmesurada. O autor coloca-nos conscientes dessa realidade e mostra-nos um jovem de espírito rebelde e lírico que procura a felicidade... até à liberdade radical. A vida isolada e, independente, dessa sociedade... torna-se um experiência fantástica e comovente que conclui com uma grande verdade: "Para alcançar a felicidade plena é necessário partilhar"

Fotografia e banda sonora brilhantes!!!

O LADO SELVAGEM



Baseado no caso real de Christopher McCandless, um jovem de vinte e dois anos que, ao terminar a faculdade, doou todo o seu dinheiro a uma instituição de caridade, mudou de identidade e partiu em busca de uma experiência genuína que transcendesse o materialismo do quotidiano. Começando a sua viagem pelo Oeste americano, Christopher dá igualmente início a uma aventura que mais tarde viria a encher as páginas dos jornais e que termina com a sua morte no Alasca. Uma morte misteriosa… Acidental ou propositada? Um livro comovente que cativa o leitor pela forma como é retratado a força indomável de um espírito rebelde e lírico.


Autor do Livro: Jon Krakauer
Realização do filme: Sean Penn

Nota:
Retirar conclusões, ou "morais" desta história é um erro crasso... porque a vida é assim... não é a preto e branco... sem bons de um lado, e maus do outro...Afinal, cada passo é um desafio... que reforça ou esmorece a nossa vontade de alcançar a verdadeira LIBERDADE... Contudo, nunca a esmaga (basta lutarmos por aquilo que convictamente acreditamos)!Só a morte pode decepar essa vontade...Mas que melhor coisa poderemos desejar do que morrermos com o gosto da vitória?... especialmente quando essa vitória se traduz na coragem de ultrapassar as limitações que nos impõem... (em nome de quê? de quem?)... ou que nos impomos a nós próprios (auto-castração)!
BRILHANTE!Filmes assim valem mesmo a pena!Ana Gralheiro - naoabdico.blogspot.com

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 39

Olá a todos,

Liderança

“Liderança é fazer o que é certo quando ninguém está olhando."George Van Valkenburg

Hoje deixo-vos um dos melhores exemplos de Liderança a que já assisti! E como todos podemos ser líderes… Vale mesmo a pena ver e ouvir:

Link de Vídeo: http://www.youtube.com/watch?v=xDmtnYdO2Lo&feature=related

E porque será que é militar?!

Será Amizade, Camaradagem, Solidariedade, Espírito de Equipa, Objectivos Comuns, Coragem, Sabedoria, Benevolência, Honradez, Lealdade, atitude ou tudo isto?!

Não tenho a resposta, mas a área militar continuará a ser uma escola para muitas das áreas da nossa vida!

Mesmo assim, o importante não é ter sempre todas as respostas mas sim não parar de fazer perguntas!


Nota: Aqueles que não tiverem oportunidade de ver o link vejam o filme: “We were Soldiers”

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 38

Olá a todos,

“Existem dois grandes dias na vida de todos nós… o dia em que nascemos e o dia em que descobrimos porquê”.
William Barclay

Pacote de Bolinhos

Certo dia, uma jovem aguardava pelo seu voo na sala de embarque de um aeroporto. Como iria ainda esperar algumas horas resolveu comprar um livro para passar o tempo e um pacote de bolinhos secos para entreter o estômago.
Procurou então um lugar numa parte reservada do aeroporto para que pudesse descansar e ler em paz. Quando estava instalada um homem sentou-se ao seu lado.
Quando tirou o primeiro bolinho do pacote, o homem também tirou um. Ela sentiu-se indignada, furiosa mesmo, mas não disse nada. Ela pensou para si:” Mas que lata!" Se eu tivesse coragem, dava-lhe um estalo na cara para que ele nunca mais se esquecesse...
A cada bolinho que ela tirava, o homem também tirava um. Aquilo deixava-a tão indignada que não conseguia reagir. Finalmente, sobrava apenas um bolinho e ela pensou: O que será que o "atrevido" vai fazer agora?
Então o homem dividiu o bolinho ao meio, comeu uma metade e deixou-lhe ficar a outra. Aquilo ainda a deixou com mais irada e a bufar de raiva. Nesse momento, ouviu a chamada para o seu voo. Agarrou no seu livro e nas suas coisas e dirigiu-se para a porta de embarque.
Já no avião e quando se sentou confortavelmente no seu lugar, foi à sua mala para tirar uma caneta e, para sua surpresa o seu pacote de bolinhos estava ali… INTACTO!
A constatação de que os bolinhos que havia comido não eram seus, fez com que se sentisse muito envergonhada, pois quem tinha estado errada desde o início era ela e agora já não tinha oportunidade para pedir desculpas nem de desfazer o mal entendido. Um desconhecido dividira os seus bolinhos sem se sentir indignado, ao passo que isto a deixara a ela muito transtornada.

http://jorgecoutinho.blogspot.com


Nota pessoal / Sugestão: Algumas acções e palavras transformam relações... Antes de criares juízos de valor negativos sobre alguém ou sobre alguma situação, procura pensar de forma positiva. Procura o melhor das pessoas e das situações. Pessoas e situações, podem ensinar-nos muito... Basta para isso estarmos predispostos a aprender e a viver mais um ensinamento.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 37

Olá,

O Fazendeiro e o Cavalo

Um fazendeiro, que lutava com muitas dificuldades, possuía alguns cavalos para ajudar nos trabalhos em sua pequena fazenda.
Um dia, seu capataz veio trazer a notícia de que um dos cavalos havia caído num velho poço abandonado.
O poço era muito profundo e seria extremamente difícil tirar o cavalo de lá. O fazendeiro foi rapidamente até o local do acidente, avaliou a situação, certificando-se que o animal não se havia machucado.
Mas, pela dificuldade e alto custo para retirá-lo do fundo do poço, achou que não valia a pena investir na operação de resgate.
Tomou, então, a difícil decisão: determinou ao capataz que sacrificasse o animal jogando terra no poço até enterrá-lo, ali mesmo.
E assim foi feito: os empregados, comandados pelo capataz, começaram a lançar terra para dentro do buraco de forma a cobrir o cavalo.
Mas, à medida que a terra caía em seu dorso, os animal a sacudia e ela ia se acumulando no fundo, possibilitando ao cavalo ir subindo.
Logo os homens perceberam que o cavalo não se deixava enterrar, mas, ao contrário, estava subindo à medida que a terra enchia o poço, até que, finalmente, conseguir sair.
Sabendo do caso, o fazendeiro ficou muito satisfeito e o cavalo viveu ainda muitos anos servindo, fielmente, a seu dono na fazenda.

Se você estiver "lá em baixo", sentindo-se pouco valorizado, quando, certos de seu "desaparecimento", os outros jogarem sobre você a "terra da incompreensão, da falta de oportunidade e de apoio", lembre-se desta história.

Não aceite a terra que jogaram sobre você, sacuda-a e suba sobre ela.

E quanto mais jogarem, mais você vai subindo... subindo... subindo...

Site: http://idealdicas.com

Sugestão: Avalia situações passadas que te fizeram sentir em baixo, onde quase te enterraram ou onde te escondeste até desapareceres!
O que podias ter feito? Esperar ou Agir? Sufocar ou sacudir a areia?
Aprende com os erros, com as críticas, mas não faças delas a tua Vida. Tu és diferente... aquilo foram só momentos menos bons, mas momentos de aprendisagem!!!

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 36

Olá a todos,

Hoje deixo-vos mais uma lição de vida... Este link (do Youtube) demonstra que são poucos os limites que se conseguem impor ao Espírito Humano.

I LOVE LIVING LIFE. I AM HAPPY.

Think you’ve got it bad?
Need some encouragement?
Fallen DOWN?
Can’t seem to find the STRENGHT to get back UP?
It matters HOW you are going to FINISH... Are YOU going to finish STRONG?
The challenges in our lives are there to STRENGTHEN our CONVICTIONS. They are not there to run us over.
IF you fail, are YOU going to try again?

"If I fail, I try again, and again, and again..."
Nick Vujicic

Video: http://www.youtube.com/watch?v=H8ZuKF3dxCY
Site Oficial: http://www.lifewithoutlimbs.org/

Nota Pessoal: Apesar da frase de Nick Vujicic ser demonstradora da capacidade da nossa mente e da força do espírito humano, este e-mail fará mais sentido quando visualizarem o video.
O que motiva o Nick Vujicic? Sede de Viver uma vida normal e fantástica?! E a ti, o que te motiva?

Sugestão: Retira do teu dicionário mental frases como, Não consigo, Nunca chegarei, É impossível ou Cheguei ao meu limite.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 35

Olá a todos,

A arte de julgar os outros
Eram dois vizinhos. Um deles comprou um coelho para os filhos. Os filhos do outro vizinho também quiseram um animal de estimação. E os pais desta família compraram um filhote de pastor alemão. Então começa uma conversa entre os dois vizinhos:- Ele vai comer o meu coelho!- De jeito nenhum. O meu pastor é filhote. Vão crescer juntos "pegar" amizade!E, parece que o dono do cão tinha razão. Juntos cresceram e se tornaram amigos. Era normal ver o coelho no quintal do cachorro e vice-versa. As crianças, felizes com os dois animais. Eis que o dono do coelho foi viajar no fim-de-semana com a família, e o coelho ficou sozinho.No domingo, à tarde, o dono do cachorro e a família tomavam um lanche tranquilamente, quando, de repente, entra o pastor alemão com o coelho entre os dentes, imundo, sujo de terra e morto. Quase mataram o cachorro de tanto agredi-lo, o cão levou uma tremenda surra! Dizia o homem:- O vizinho estava certo, e agora? Só podia dar nisso!Mais algumas horas e os vizinhos iam chegar. E agora? Todos se olhavam. O cachorro, coitado, chorando lá fora, lambendo os seus ferimentos.- Já pensaram como vão ficar as crianças?Não se sabe exactamente quem teve a ideia, mas parecia infalível:- Vamos lavar o coelho, deixá-lo limpinho, depois a gente seca com o secador e o colocamos na sua casinha. E assim fizeram.Até perfume colocaram no animalzinho. Ficou lindo, parecia vivo, diziam as crianças.Logo depois eles ouvem os vizinhos chegarem. Notam os gritos das crianças.- Descobriram!Não passaram cinco minutos e o dono do coelho veio bater à porta, assustado. Parecia que tinha visto um fantasma.- O que foi? Que cara é essa?- O coelho, o coelho...- O que tem o coelho?- Morreu!- Morreu? Ainda hoje à tarde parecia tão bem.- Morreu na sexta-feira!- Na sexta?- Foi. Antes de viajarmos, as crianças o enterraram no fundo do quintal e agora reapareceu!
A história termina aqui. O que aconteceu depois fica para a imaginação de cada um de nós. Mas o grande personagem desta história, sem dúvida alguma, é o cachorro. Imagine o coitado, desde sexta-feira procurando em vão pelo seu amigo de infância. Depois de muito farejar, descobre seu amigo coelho morto e enterrado. O que faz ele? Provavelmente com o coração partido, desenterra o amigo e vai mostrar para seus donos, imaginando o fizessem ressuscitá-lo. E o ser humano continua julgando os outros.Outra lição que podemos tirar desta história é que o homem tem a tendência de julgar os factos sem antes verificar o que de facto aconteceu. Quantas vezes tiramos conclusões erradas das situações e nos achamos donos da verdade? Histórias como essa, são para pensarmos bem nas atitudes que tomamos.
"A vida tem quatro sentidos: amar, sofrer, lutar e vencer. Então: AME muito, SOFRA pouco, LUTE bastante e VENÇA sempre!"
Autor: Desconhecido

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 34

"Com as nossas mudanças, mudamos os outros"
Luís Carpinteiro

Olá a todos,
Por vezes, em momentos simples das nossas vidas, se estivermos atentos e disponíveis, se tivermos iniciativa, conseguimos absorver grandes ensinamentos. Foi o que me aconteceu na passada semana, enquanto aguardava uma reunião. Poderia ter simplesmente aguardado, mas decidi ler o que estava escrito naquelas paredes: (Um dos títulos, já por si, deixou-me curioso)

Como mudar o Mundo?

Eis o que conta, de si mesmo O sufi Bayazid:
«Na juventude, eu era um revolucionário e rezava assim: Dai-me energia, ó Deus, para mudar o mundo!».

Mas notei, ao chegar à meia-idade, que metade da vida já passara sem que eu tivesse mudado homem algum.
Então, mudei a minha oração, dizendo a Deus: «Dai-me a graça, Senhor, de transformar os que vivem comigo, dia a dia, como sejam a família e os amigos; e com isto eu já fico satisfeito...».

Agora que sou velho e com os dias contados, percebo bem quanto fui tolo ao rezar assim.
A minha oração, agora, é apenas esta: «Dai-me a graça, Senhor, de me mudar a mim mesmo. Se eu tivesse rezado assim, desde o princípio, não teria esbanjado a minha vida».

Livro: O Canto do Pássaro
Autor: Anthony de Mello

Nota Pessoal: Quando tudo à nossa volta parece que tem de mudar, procuramos soluções nos outros! Esquecemo-nos que, na maioria dos casos, a solução está mais próxima do que imaginamos...

Sugestão: Se queres mudar o Mundo, começa por mudar algo em ti, HOJE.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 33

Olá a todos,

“De vez em quando, é bom fazer uma pausa na nossa busca da felicidade e simplesmente sermos felizes”.
Guillaume Apollinaire

NÃO SE ESQUEÇA DE SER FELIZ!

Conta-se que, no século passado, um turista americano foi à cidade do Cairo, no Egipto, com o objectivo de visitar um famoso sábio.
O turista ficou surpreendido ao ver que o sábio morava num quartinho muito simples e cheio de livros.
As suas únicas peças de mobília eram uma cama, uma mesa e um banco.
- Onde estão os seus móveis? – Perguntou o turista.
E o Sábio, rapidamente, interrogou também:
- E onde estão os seus…?
- Os meus?! – Surpreendeu-se o turista. – Mas eu estou aqui só de passagem!
- Eu também… – concluiu o sábio.

A vida na terra é a penas uma passagem… No entanto, alguns vivem como se fossem ficar aqui eternamente e esquecem-se de ser felizes.

Livro: O que aprender com os gansos – 2ª Edição
Autor: Alexandre Rangel

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 32

Olá a todos,

“O Líder do futuro é aquele que transforma ilhas de competências num arquipélago de Excelência”.

Liderança

A Liderança, tal e qual a conhecemos, está com os dias contados. Os velhos e gastos atributos do líder foram concebidos para uma realidade que já não existe. O líder baseado apenas no carisma é uma espécie em extinção.

Pouco importa em qual quadrante o seu estilo de liderança se encaixa. Pare de se violentar. Chega de se sentir engaiolado por modelos que pretendem moldar o seu estilo. Para ser um Líder do Futuro, no trabalho, em casa e no dia-a-dia, não precisa de fingir ou tentar ser aquilo que não é. Relaxe. Seja você mesmo. Isso faz toda a diferença.

O Mundo em que vivemos requer outro modo de liderar, menos idealizado e mais pragmático. Liderança não é um sinónimo de cargo, posição social, dinheiro ou tempo de serviço. Não é preciso ser gerente ou director de uma empresa para ser Líder.

Um Pai de família, um mecânico, uma manicura, um vendedor, um estudante, uma filha adolescente, um engenheiro, um motorista de táxi, uma advogada, um médico, um professor, uma recepcionista – Todos podem ser Líderes. Você também! Comece desde já a pensar como Líder.

Você é o Líder da sua Vida! O importante é que, antes de querer liderar os outros, aprenda a liderar-se a si próprio.

Livro: Você é Líder da sua Vida
Autor: César Souza

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 31

Olá a todos,

COMO TER UMA VIDA MARAVILHOSA

Se uma vida maravilhosa é a soma de todo um conjunto de dias maravilhosos, que podemos fazer para assegurar o máximo possível de dias maravilhosos?

Decide fazer de hoje um dia maravilhoso - ...com muita intenção cria o teu próprio microclima...
Espera que aconteçam coisas maravilhosas - ...Brian Tracy começa todas as manhãs a dizer: "vai acontecer-me hoje uma coisa maravilhosa".
Dá a ti mesmo algo por que ansiar – …sushi hoje, amanhã um bom livro, depois um bom filme, massagem, desporto, etc...
Dá infinita liberdade ao mundo (e a ti mesmo) –...Diz para ti: "Hoje não me apetece aborrecer-me".
Faz coisas maravilhosas –... Coisas que sabem bem e/ou produzem resultados maravilhosos
Passa tempo com pessoas maravilhosas –... Faz a tua lista e avanca já.
Come comida maravilhosa –... Delicia-te.
Lê livros maravilhosos.
Lembra-te de coisas maravilhosas ao fim da tarde –... "Quanto mais olha, mais haverá por descobrir!"
Um dia maravilhoso é um dia cheio de maravilha – maravilha-te com a beleza de uma borboleta, experimenta sentir a Terra a girar por baixo dos teus pés ou olha bem para dentro dos olhos dos teus filhos e maravilha-te com o modo como aqui chegaram.
Divirte-te, aprende muito e lembra-te: sempre que tiveres um dia maravilhoso, há mais um anjo que ganha asas!
Livro: CHEGA AONDE QUISERES
Autor: MICHAEL NEILL
Nota: Vive a vida com simplicidade. O resto irá aparecer naturalmente... UMA SEMANA MARAVILHOSA PARA TI.
Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 30

Olá a todos,

No FYM&BA desta semana - número 30, partilho com vocês um sonho de criança que realizo aos 30 anos. Este, é dedicado a um novo Amigo!!!
Desde sábado que tenho um amigo de 4 patas de nome: "MIND".

Marley como mentor espiritual

"O que eu queria mesmo era dizer como este animal tinha tocado as nossas almas e ensinado algumas das lições mais importantes das nossas vidas... Marley ensinou-me a viver cada dia como uma exuberância e alegria ilimitada, a aproveitar o momento e a seguir o coração. Ensinou-me a apreciar as coisas simples – um passeio na floresta, um nevão fresco, uma sesta numa réstia de luz do Sol numa tarde de Inverno. E quando começou a ficar velho e doente, ensinou-me a ser optimista em face das adversidades. Essencialmente, ensinou-me a importância da amizade e da abnegação e, acima de tudo, da lealdade absoluta." ...

... Seria possível a um cão mostrar aos humanos as coisas realmente importantes na vida? Eu acreditava que sim. Lealdade. Coragem. Devoção. Simplicidade. Alegria. Um cão não tem necessidade nenhuma de carros sofisticados ou de casas sumptuosas ou de roupas da moda. Os símbolos de status não lhe dizem nada. Um pau lambido pelo mar serve na perfeição. Um cão não julga ou outros pela cor da pele, credo religioso ou classe social, mas sim por o que elas têm dentro de si mesmas. Um cão não se interessa em saber se somos ricos ou pobres, educados ou iletrados, burros ou inteligentes. Dêem-lhe o vosso coração que ele dar-vos-á o seu. As coisas são na realidade bastante simples, e no entanto somos nós, os humanos, muito mais sábios e sofisticados, quem sempre teve dificuldade em discernir o que é realmente importante ou não.

"Às vezes era preciso um cão com muito mau hálito, malcomportado e de intenções genuínas para nos ajudar a ver."
Livro: Marley & Eu
Autor: John Grogan
Agradecimento: Obrigado Ana por não teres desistido deste sonho!!! Persistência...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 29

Olá a todos,

Quando me amei de verdade...

Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E então, pude relaxar. Hoje sei que isso tem nome... Auto-estima.

Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades. Hoje sei que isso é... Autenticidade.

Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento. Hoje chamo isso de... Amadurecimento.

Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo. Hoje sei que o nome disso é... Respeito.

Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo. Hoje sei que se chama... Amor-próprio.

Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro. Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo. Hoje sei que isso é... Simplicidade.

Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei muitas menos vezes. Hoje descobri a... Humildade.

Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece. Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é...Plenitude.

Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada. Tudo isso é... Saber viver!!!

Autor: Charles Chaplin

Sugestão: Esta Semana escreve num papel situações da tua vida que se encaixem nestes 9 ensinamentos! Pensa nisso...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 28

Olá a todos,

Deixo-vos uma Metáfora que, na minha opinião, representa o grande "poder" da palavra "Não"!

Vida de elefante

Já observaste o elefante no circo? Durante o espectáculo, o enorme animal faz demonstrações de força descomunais. Mas, antes de entrar em cena, permanece preso, quieto, contido somente por uma corrente que aprisiona uma de suas patas a uma pequena estaca cravada no solo. A estaca é só um pequeno pedaço de madeira.
E, ainda que a corrente fosse grossa, parece óbvio que ele, capaz de derrubar uma árvore com sua própria força, poderia, com facilidade, arrancá-la do solo e fugir. Que mistério! Por que é que o elefante não foge?
…O elefante do circo não escapa porque foi preso à estaca ainda muito pequeno. Imagina o pequeno recém-nascido preso: naquele momento, o elefantinho puxou, forçou, tentando soltar-se. E, apesar de todo o esforço, não pôde sair. A estaca era muito pesada para ele. E o elefantinho tentava, tentava e nada. Até que um dia, cansado, aceitou o seu destino: ficar amarrado na estaca, balançando o corpo de lá para cá, eternamente, esperando a hora de entrar no espectáculo.
Então, aquele elefante enorme não se solta porque acredita que não pode. Para que ele consiga quebrar os grilhões é necessário que ocorra algo fora do comum, como um incêndio por exemplo. O medo do fogo faria com que o elefante em desespero quebrasse a corrente e fugisse.
Isso muitas vezes acontece connosco! Vivemos acreditando em muitas coisas!? Que não podemos ter!? Que não podemos ser!? Que não vamos conseguir, simplesmente porque, quando éramos crianças e inexperientes, algo não deu certo ou ouvimos tantos nãos que a corrente da estaca ficou gravada na nossa memória com tanta força que perdemos a criatividade e aceitamos o "sempre foi assim..."
Poderia dizer que o fogo para nós seria: a perda de um emprego, ou algum outro problema ou algo que nos fizesse sair da zona de conforto.
A única maneira de tentar de novo é não ter medo de enfrentar as barreiras, colocar muita coragem no coração e não ter receio de arrebentar as correntes!Não esperes que o teu "circo" pegue fogo para te começares a mexer. Vai em frente!

Autor: recebido via e-mail

Agradecimento: Obrigado Filipa por esta metáfora tão simples e tão poderosa.

Nota Pessoal: Por vezes, entre colegas e amigos, às refeições, fazemos um jogo que consiste em não dizer a palavra "não". Se falharmos, temos que beber um copo de penalty! Jogo simples não é?! Basta não utilizar a palavra não! O problema é que a nossa sociedade e a nossa língua está carregada de negatividade. Em criança ouvimos não a tudo, na escola continuamos a ter o não, mais tarde nos empregos voltamos a ter outros tipos de não. Chegamos a um ponto que simplesmente acreditamos que já não interessa... e sempre foi assim... e no final, a bebedeira é quase certa!!!

Discordo totalmente do que acabei de escrever, apesar da noção da realidade!

Hoje, entendo que depende muito de Nós, ou quase sempre de Nós para melhorarmos tudo à nossa volta. Criatividade, uma atitude positiva, iniciativa no trabalho, nas relações, dar o primeiro passo em conflitos, depende sempre de nós! Quem vive de coração aberto e com muita coragem salta todas as barreiras para ser feliz...
Assim pergunto: Para quê esperar que aconteça algo que venha alterar a nossa vida, se hoje temos TUDO o precisamos para iniciar esse caminho? Arranquem essa estaca.

Sugestão: Esta Semana muda o teu discurso e faz como o Jim Carrey em "YES" e evita dizer "não" aos que estão à tua volta. Diz SIM! À parte do teu objectivo, vai ser divertido! Cuidado com os aproveitadores da situação ; 0)


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 27

Olá a todos,

Depois de umas férias excelentes, é nossa responsabilidade criar foco nas actividades de maior valor.

O Programa de boa forma mental em sete passos

Há 7 atitudes que podes aprender e praticar todos os dias para te tornares mais positivo, confiante e optimista:

Orientação para o futuro – Cria uma visão para cinco anos. Idealiza, imaginando continuamente o resultado perfeito. Cria uma lista de sonhos. Não cries limitações. Se tivesses tudo ao teu alcance, o que é que querias? Tens que ser sincero e claro contigo. Clareza é essencial. A pergunta "Como?" deve estar sempre presente na tua mente.

Orientação para os objectivos – Esquece os problemas, as críticas negativas e as desculpas. Pensa com papel e caneta na mão e torna os objectivos tangíveis e concretos. Decide-os, escreve-os e especifica-os, torna-os mensuráveis, estabelece datas finais, lista de acções e elabora um plano estratégico, começa imediatamente e faz algo para o teu objectivo todos os dias. Constrói os alicerces das tuas visões.

Orientação para a excelência – Vê a vida como um serviço de "self-service". É necessário levantares-te, colocares-te na fila e servires-te, ou seja, aceitar a responsabilidade. Aprende e pratica coisas novas todos os dias e responde à pergunta: "Qual a aptidão que, quando desenvolvida e aplicada de forma correcta, mais me ajudará na minha carreira?". A boa notícia é que o buffet da vida nunca encerra, 24h aberto! Volta à fila sempre que quiseres... Empenha-te na Excelência.

Orientação para os resultados - Estabelece prioridades para as tarefas mais importantes e responde constantemente às 4 questões seguintes: 1-"Quais são as minhas actividades de maior valor? 2-Quais são as minhas áreas-chave de resultados? 3 – "O que é que eu e só eu posso fazer, que, se for bem feito, será efectivamente um valor acrescentado para a minha empresa/vida"; 4-"Como posso usar o meu tempo de forma mais valiosa?".

Orientação para a solução - Em vez de pensares no que aconteceu e quem é o culpado, pensa no que pode ser feito e como se resolve o problema. Ao falarmos sobre as soluções, tornamo-nos positivos, criativos e optimistas. Faz perguntas do tipo: "Qual é a solução? O que é que sabemos? Qual o próximo passo? Como limitamos o prejuízo? Como evitamos que aconteça novamente? Daqui avançamos para onde? Sê construtivo e concentra-te nas soluções.

Orientação para o crescimento - "A sua vida só melhora quando você melhora". O que posso fazer, hoje, para aumentar o meu valor para a minha empresa, para a minha vida e para mim? Sugestão: "Investe 3% do teu rendimento para o resto da tua vida". O desenvolvimento pessoal compensa... dedica-te a aprender durante toda a vida. Lê, ouve programas de áudio no carro ou no ginásio e assiste a todos os cursos e seminários úteis que conseguires encontrar.

Orientação para a acção - Evita adiar e inicia imediatamente as tuas tarefas-chave, avança rapidamente. Decide hoje desenvolver um sentido de urgência nas tuas prioridades, em tudo aquilo que te traz valor para a tua vida.

Livro: Ponto Focal
Autor Brian Tracy

Agradecimento: Obrigado Carlos pela sugestão deste livro e desta "ferramenta" para a vida.


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 26

Olá a todos,

A semana passada tivemos um dia muito especial! O dia do Pai! Assim, dedico esta letra de Cat Stevens, ao meu Pai e, a todos vocês que já enfrentam um dos grandes desafios da vida...

Father & Son

Father
Its not time to make a change,
Just relax, take it easy.
Youre still young, thats your fault,
Theres so much you have to know.
Find a girl, settle down,
If you want you can marry.
Look at me, I am old, but Im happy.
I was once like you are now,
and I know that its not easy,
To be calm when youve found something going on.
But take your time, think a lot,
Why, think of everything youve got.
For you will still be here tomorrow,
but your dreams may not.

Son
How can I try to explain,
when I do he turns away again.
Its always been the same, same old story.
From the moment I could talk
I was ordered to listen.
Now theres a way and I know that I have to go away.
I know I have to go.

Father
Its not time to make a change,
Just sit down, take it slowly.
Youre still young, thats your fault,
Theres so much you have to go through.
Find a girl, settle down,
If you want you can marry.
Look at me, I am old, but Im happy.
(son-- away away away, I know I have toMake this decision alone - no)

Son
All the times that I cried,
keeping all the things I knew inside,
Its hard, but its harder to ignore it.
If they were right, Id agree,
but its them you know not me.
Now theres a way and I know that I have to go away.
I know I have to go.
(father-- stay stay stay, why must you go andMake this decision alone?)

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 25

Olá a todos,

Já se deram conta que Hoje, todos procuramos a FELICIDADE? Será que estamos a fazer bem as coisas?

Deixo-vos uma passagem de um livro que serve para reflexão sobre o objectivo pessoal mais desejado neste planeta.

Pergunta: "Serei feliz quando tiver o que quero?...

... De facto, muitas vezes as pessoas estão dispostas a passar por grandes dificuldades no caminho para o êxito porque sabem que há um pote de ouro no fim do seu arco-íris - e planeiam usar esse pote de ouro para comprar as sensações de felicidade e satisfação que realmente querem.

Então: Serei feliz quando....?
tiver dinheiro suficiente.
tiver uma relação amorosa.
arranjar um emprego melhor.
o meu patrão, colega, amigo deixar de ser parvo.
Seja o que for que puser entre si e ser feliz, neste preciso momento, é um subproduto do mito da felicidade: a ideia de que, quando finalmente organizar a sua vida exterior, a sua vida interior cuidará de si mesma.

Mas a verdade que está para além do mito é simples e, no entanto, profunda:

Resposta: Se está a fazer coisas para ser feliz, está a fazê-las pela ordem errada!"

Quando faz da felicidade a sua prioridade número um e se permite seguir a sua "busca de felicidade", o êxito não só é mais provável, mas também mais divertido de atingir.

"O êxito não é a chave da felicidade. A felicidade é a chave do êxito. Se gosta do que faz, terá êxito. "
Albert Schweitzer

Livro: Chega aonde quiseres
Autor: Michael Neill

Nota Pessoal: Algumas das minhas notas pessoais sugerem corrermos atrás dos nossos sonhos. Para sermos felizes, penso que a primeira resposta a encontrarmos é tão simples como: Afinal o que é que me faz mesmo, mesmo FELIZ? Se acham a resposta fácil, então os meus parabéns. Eu tive alguma dificuldade em responder durante algum tempo...

Sugestão: Se as minha decisões de há 5 ou 10 anos atrás me colocaram AQUI, o que devo fazer Hoje para ser feliz HOJE...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 24

Olá a todos,

"Todos os Homens sonham, mas nem todos da mesma maneira. Os que sonham de noite, nos sótãos poeirentos das suas mentes, acordam pensando que foi tudo vaidade. Mas os sonhadores de dia são perigosos, porque podem pôr os seus sonhos em acção com olhos abertos, e fazer com que as coisas aconteçam."

T.E.Lawrence

Sugestão: Esta semana liberte algum tempo para sonhar acordado...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

domingo, 13 de setembro de 2009

Free Your Mind... Be Alive! 23

Olá a todos,

Hoje partilho, novamente, parte de um artigo que li, e que acho que vos pode ajudar no vosso dia-a-dia:

Quanto tempo temos?

Em 16 passos saiba como pode dar mais tempo ao seu tempo: (artigo completo com os 16 passos em anexo)

1º Passo - Plano de Ataque - Comece por responder, escrevendo, a algumas perguntas:
a) O que faria se tivesse mais tempo?
b) O que ganharia se tivesse tempo para fazer tudo o que quero?
c) O que uma agenda organizada e bem equilibrada me poderá trazer?
d) Como seria a minha semana ideal?
e) Quais as áreas da minha vida onde gostaria de criar mais tempo?
f) O que me impede de ter tempo para o que é importante para mim?

16º Passo - Sugestão de divisão do dia – Um dia tem 24 horas. 8 São para dormir, 8 são para trabalhar e as restante 8 para lazer.
(deverá ter atenção à sua flexibilidade consoante as suas prioridades)

Das 8 horas de Lazer eis um exemplo de como as pode gerir:
Uma hora para reflexão: Sonhos e objectivos e como alcança-los; Reflexão sobre si mesmo e como ser uma pessoa melhor; Como melhorar os seus relacionamentos.
Uma hora para auto-aperfeiçoamento: Ler, estudar, adquirir mais conhecimentos nas áreas que mais gosta.
Uma hora para contactos: manter contactos com amigos e familiares e reforçar novos conhecimentos.
Duas horas para trabalho extra: se quiser dedicar mais à sua carreira ou a algum projecto paralelo.
Três horas: Relaxamento, exercício físico, lazer...
Autor: Carla Novo – revista Happy

Nota Pessoal: Quando queremos muito... o tempo aparece!

Esta semana pense como tem gerido o seu tempo e faça algo que esteja a ficar para traz...

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 22

Olá a todos,

Hoje partilho com vocês parte de um artigo que li, e com o qual penso que muitos de vós se vão identificar...

A arte do aqui e agora

"Já todos nós tivemos provavelmente a experiência de conduzir ao longo de uma auto-estrada e de repente tomarmos consciência de que não temos nenhuma memória do que se passou nos últimos 15 minutos. Até talvez tivéssemos passado pela saída que procurávamos. Ficamos estupefactos: estávamos noutro sítio qualquer e é como se subitamente acordássemos em cima de quatro rodas. Ou talvez isto aconteça quando estamos a ler um livro: "acabei de ler esta página, mas não tenho a menor ideia do que estava lá escrito."

Estes momentos em "piloto automático", são o que Ellen Langer, investigadora em Harvard, qualifica de "desatenção plena" - períodos em que estamos tão perdidos nos nossos pensamentos que nem temos a menor consciência do momento presente. Resultado: a vida passa sem a registarmos.

Diz Langer: "Assim que admitimos que na realidade não conhecemos as coisas que sempre tivemos garantidas, saímos de casa de forma diferente. Torna-se uma aventura reparar em tudo – e quanto mais reparamos, mais coisas novas conseguimos ver." E mais excitação sentimos.

... A melhor maneira de evitar estes momentos de blackout é desenvolver o hábito de estar sempre a reparar em coisas novas seja qual for a situação em que nos encontremos... Repararmos em coisas novas põe-nos automaticamente aqui e agora.”

Notíciasmagazine - 11.Jan.2009


Nota Pessoal: Preocupamo-nos demasiado com o passado e com o futuro e continuamos a esquecermo-nos de VIVER o Presente - O Aqui e Agora -
Como dizia Mark Twain, "Soube de imensos problemas, mas a maioria deles nunca aconteceu".

Sugestão: Esta semana quando estiveres perdido nos teus pensamentos concentra-te na tua respiração. Aí, saberás que estás num momento presente...


Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Free Your Mind... Be Alive! 21

"Brick Walls are there for a reason: they let us prove how badly we want things."

"Os muros de tijolo estão lá por um motivo: eles existem para que possamos provar a nós mesmos o quanto queremos as coisas,"

Randy Pausch - A última aula


Nota Pessoal: Uma lição para a vida, que podem encontrar em livro ou no Youtube.
Barreiras aos nossos sonhos e objectivos vão sempre existir... como ultrapassa-las?! Depende do nosso empenho e dedicação.

Esta semana salta mais um muro e conquista mais um sonho...

---

Free Your Mind nº20: Solução dos enigmas em anexo. Parabéns a todos o que conseguiram.

Libertem as Vossas mentes e mantenham-se “VIVOS”.

Arquivo do blogue

Seguidores